Está prestes a deixar este website. Tem a certeza?

Concordo, proseguir

Dura oitava etapa do Dakar…

Dura oitava etapa do Dakar…

A oitava etapa do Rali Dakar demonstrou ser muito exigente, tanto para máquinas como pilotos, levando os concorrentes até ao bivouac de Pisco. Os pilotos da equipa Yamalube Yamaha Rally lutaram forte durante esta etapa. Adrien Van Beveren, ocupa atualmente o 5º lugar quinto da geral, e Xavier de Soultrait subiu dois lugares e agora está em 8º lugar da classificação geral provisória.

Arrancando no grupo da frente na especial de terça-feira, Adrien Van Beveren lançou-se ao ataque com o objetivo de subir ainda mais na classificação geral provisória. Empenhado desde o início, este deparou-se com a navegação exigente nesta etapa e acabou perdendo algum tempo para seus principais rivais.

Com o 6º melhor tempo do dia, Van Beveren está atualmente em 5º lugar na classificação geral provisória da prova. Determinado a lutar pelo lugar principal, Adrien está agora a menos de 10 minutos do líder provisório com duas etapas ainda a serem disputadas.

Sentindo-se muito bem a bordo de sua WR450F Rally desde o início do evento, Xavier de Soultrait entrou na etapa à procura de bom resultado. Lutando pela desejada posição em terreno técnico e com navegação exigente, Xavier conseguiu o 10º lugar do dia.

Subindo para o 8º lugar na classificação geral provisória, o francês continua otimista de que ele pode subir ainda mais nos resultados gerais para levar sua aventura no Peru a um final bem-sucedido.

Depois de na etapa 7 ter entrado no Top 20 do Dakar e de na etapa 8 ter dado inicialmente provas de que ainda poderia melhorar o seu resultado, António Maio ficou todavia parado ao quilómetro 202 com problemas mecânicos que o impediram de continuar em prova e de prosseguir com o objetivo principal de chegar até Lima no próximo dia 17.

O piloto da Yamaha Fino Motor Racing que na etapa de ontem tinha alcançado um excelente 21º lugar, resultado que lhe permitira passar a ocupar idêntica posição na classificação geral, arrancou de forma excelente para esta que era a antepenúltima etapa da prova. Nos dois primeiros Way Points registava o 12º tempo.

Antes de iniciar a 8ª etapa, Pedro Mello Breyner comentava: "Mais uma etapa concluída (7ª etapa) e esta felizmente terminada ainda à luz do dia. Uma especial com dunas muito altas e com uma parte terrível com muita pedra que nos obrigou a rolar a um ritmo muito lento. Correu tudo bem, boa navegação e o nosso Yamaha sempre impecável. Mesmo assim, e por medida de precaução, para estas últimos dias mudámos as transmissões e mais algum material para estarmos ainda mais confortáveis. Hoje vamos ter de novo muitas dunas, mas também vamos ter uma parte rápida de praia e junto à costa onde tentaremos explorar a rapidez do nosso Yamaha".

Pedro de Mello Breyner e Javier Uribe levaram o seu YXZ 1000R EXTRAMOTION, preparado pela Franco Sport ao 17º lugar da especial alcançando assim a 19ª posição da classificação geral provisória.

Com um desenho de etapa em “loop” ao redor do bivouac de Pisco, a penúltima etapa, a disputar na quarta-feira, verá novamente os pilotos começarem a etapa por grupos. A etapa inclui uma especial cronometrada de 313 km num total de 409kms a serem percorridos.

Força pilotos Yamaha … a meta esta perto!